Saúde

Doença de Huntington – O Que É, Causas e Sintomas

HuntingtonO Que É: A doença de Huntington é um problema que ataca poucas pessoas e na maioria dos casos essa já atinge a idade adulta. Essa doença é hereditária, e acontece agindo na pessoa quando algumas células nervosas, que estão presentes em certas partes do cérebro, começam a se degenerar ou então se desgastar. De acordo com pesquisas, no mundo a cada 100 mil pessoas, de 3 a 7 pessoas são portadoras da doença.

Ele inclui um caso muito grave que pode causar sérias complicações na vida da pessoa, por se tratar de uma doença que se manifesta no cérebro. Essa doença acontece por uma mutação que acontece no cromossoma 4, causando então um quadro degenerativo nas células nervosas. Isso tudo acontece por uma má formação da proteína “huntington” o que acaba causando defeitos cerebrais que se tornam sérios. A proteína huntington acaba se acumulando no cérebro, o que eventualmente acaba causando a morte de células nervosas, que tem como responsabilidade a coordenação dos movimentos, e também no córtex, o que é responsável pela percepção, pensamentos e também a memória.

Causas da Doença de Huntington

Como dito, a doença é causada por um defeito genético, que ocorre no cromossomo 4. Isso faz com que parte do DNA presente no cérebro da pessoa, ocorra mais vezes, numa pessoa normal aconteceria um repetição de 10 entre 28 vezes, numa pessoa portadora dá doença, isso se repete de 36 a 120 vezes.

doença-de-Huntington

Como se trata de uma doença genética, quanto mais ela é passada para a família, esse numero de repetições tende a aumentar – o numero de repetições está ligado a má produção da proteína huntington.

Quanto maior o quadro de repetições, mais cedo os sintomas da doença se proliferam, causando um efeito desastroso para a pessoa que possui. É normal que a pessoa comece a desenvolver mais os sintomas na fase adulta, tendo de 30 a 40 anos, mas existem casos que isso pode ocorrer mais cedo.

Sintomas da Doença de Huntington

São vários os tipos de sintomas que ocorrem quando a pessoa possui a doença, mas primeiramente surgem as mudanças de comportamento:

  • Distúrbios comportamentais;
  • Alucinações;
  • Irritabilidade;
  • Mau humor;
  • Inquietação ou agitação;
  • Paranóia;
  • Psicose.

Movimentos anormais e estranhos também incluem:

  • Movimentos faciais;
  • Girar a cabeça ao invés dos olhos;
  • Movimentos rápidos, repentinos;
  • Movimentos lentos e descontrolados;
  • Caminhar cambaleando.

mutaçãoDemência que vai se agravando aos poucos:

  • Desorientação ou confusão;
  • Perda de discernimento;
  • Perda de memória;
  • Alteração de personalidade;
  • Alteração de fala;
  • Ansiedade, estresse e tensão;
  • Dificuldade em engolir;
  • Comprometimento de fala.

Esses são os sintomas mais presente nas pessoas que possuem a doença, por isso é indicado que ela vá ao médico, quando algum ou vários desses sintomas surgirem, para poder identificar o caso. Se a família possui a doença é indicado também realizar exames, pois se trata de uma enfermidade genética.

Muito obrigada pela sua visita e até mais! Não se esqueça de deixar o seu comentário sobre o nosso post.

Assuntos do Artigo:
  • doença de huntington e o cerbero
  • inf doença de huntington

Comente Via FaceBook

Comentários

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.